Google+ Badge

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Paulo Afonso - Política








Paulo Afonso poderá ter 15 vagas de vereadores nas eleições 2012
Os atuais vereadores ainda divergem em suas posições. Alguns defendem a manutenção de 11, outros querem 13, há quem defenda o número de 17.

Redação
redacao@ozildoalves.com.br


Crédito: ASCOM/CMPA

A Câmara Municipal de Paulo Afonso (CMPA) deverá ter nas eleições de 2012, mais quatro cadeiras, passando de 11 para 15 vereadores.

O aumento do número de vereadores do município para 2013 se baseia na aprovação da Emenda Constitucional 58/2009, que determina que as cidades que possuam entre 80 e 120 mil habitantes (ver tabela abaixo) recebam a permissão para terem o número máximo de 17 vereadores, sendo assim, permitindo a criação de pelo menos mais seis vagas.

O aumento do número de parlamentares na Casa depende ainda da aprovação de um Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município de Paulo Afonso, que tem de ser votado ainda esse ano, e o prazo limite é até 04 de outubro, um ano antes das eleições do próximo ano.

Os atuais vereadores ainda divergem em suas posições. Alguns defendem a manutenção de 11, outros querem 13, há quem defenda o número de 17.

Para aprovação da emenda é necessário ao menos 2/3 da votação, ou 08 dos 11 votos possíveis. Portanto, os parlamentares têm que chegar a uma decisão de forma consensual. E pelas conversas nos corredores da câmara, não será nem 13, nem 17, o número mais comentado entre os atuais vereadores é mesmo de 15.

Caso a emenda seja aprovada, a mesa diretora do Legislativo Municipal enviará ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), o número definido de vereadores, até o final da sessão legislativa do ano que anteceder o pleito.









Paulo Afonso poderá ter 15 vagas de vereadores nas eleições 2012
Os atuais vereadores ainda divergem em suas posições. Alguns defendem a manutenção de 11, outros querem 13, há quem defenda o número de 17.

Redação
redacao@ozildoalves.com.br


Crédito: ASCOM/CMPA

A Câmara Municipal de Paulo Afonso (CMPA) deverá ter nas eleições de 2012, mais quatro cadeiras, passando de 11 para 15 vereadores.

O aumento do número de vereadores do município para 2013 se baseia na aprovação da Emenda Constitucional 58/2009, que determina que as cidades que possuam entre 80 e 120 mil habitantes (ver tabela abaixo) recebam a permissão para terem o número máximo de 17 vereadores, sendo assim, permitindo a criação de pelo menos mais seis vagas.

O aumento do número de parlamentares na Casa depende ainda da aprovação de um Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município de Paulo Afonso, que tem de ser votado ainda esse ano, e o prazo limite é até 04 de outubro, um ano antes das eleições do próximo ano.

Os atuais vereadores ainda divergem em suas posições. Alguns defendem a manutenção de 11, outros querem 13, há quem defenda o número de 17.

Para aprovação da emenda é necessário ao menos 2/3 da votação, ou 08 dos 11 votos possíveis. Portanto, os parlamentares têm que chegar a uma decisão de forma consensual. E pelas conversas nos corredores da câmara, não será nem 13, nem 17, o número mais comentado entre os atuais vereadores é mesmo de 15.

Caso a emenda seja aprovada, a mesa diretora do Legislativo Municipal enviará ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), o número definido de vereadores, até o final da sessão legislativa do ano que anteceder o pleito.