Google+ Badge

domingo, 21 de novembro de 2010

Biografia de Bob Dylan















Se existe um ícone, um profeta da musica folk-rock americana nos anos 60, esta pessoa é Robert Allen Zimmerman, dito Bob Dylan. Ele está para os Estados Unidos o que John Lennon é para o Reino Unido. Dylan talvez seja o melhor compositor de temas politico-sociais da história da música principalmente, os eventos da década de 60.
Robert Allen Zimmerman nasceu em Duluth, Minessota, em 24 de maio de 1941. Ele aprendeu a tocar harmonica e piano na adolescência além de tocar violão, o instrumento que junto com a gaita se tornou sua marca registrada. Ele foi muito influenciado pela musica de Hank Williams e Little Richard e aprendeu a tocar o rock and roll. Nos anos de escola, montou alguns grupos de blues com colegas de turma. Ele entra para a Universidade de Minessota onde larga a guitarra elétrica por um violão influenciado por musicos folk, principalmente pelo musico Woody Guthrie. Em dezembro de 1960, vai para Nova York onde passa a se apresentar em bares e onde se destaca na cena folk da região, principalmente no Greenwich Village. Um grande momento para sua carreira foi em 11 de Abril de 1961, onde abriu o show do cantor de blues John Lee Hooker. Após tocar harmonica numa sessão de Carolyn Hester, Dylan é procurado pelo produtor John Hammond para um contrato com a Columbia Records. o primeiro disco de Bob Dylan não conseguiu muita repercursão, mas o álbum seguinte "The Freewheelin" alcançou grande repercursão. Nesse disco estão primeiros clássicos de Dylan como "Blowin in the Wind", "It´s Alright", "A Hard Rain´s Gonna Fall".
Em 1963, Dylan se apresenta no Newport Folk Festival junto com outros cantores como Pete Seeger, Joan Baez e Phil Ochs. Em 1964, lança dois álbums "The Times They Are a-Changin" e "Another Side of Bob Dylan". Ainda nesse ano, a musica dos Beatles se tornava febre mundial e Bob Dylan conhece John, Paul, George e Ringo. Num desses encontros, Dylan teria apresentado a maconha para os Fab-Four, mas teoria é muito questionada pois segundo alguns relatos, os Beatles já teriam experimentado a droga quando estavam tocando em Hamburgo em 1960. Seja boato ou não, Bob Dylan chegou a influenciar o conjunto principalmente John Lennon em suas letras( "I´m a Loser" do album Beatles for Sale do meu ponto de vista, lembra muito o estilo do Bob). Outro conjunto bastante influenciado por Dylan foram os The Byrds. Bob Dylan havia lançado o hit "Mr Tambourine Man" e o conjunto regravou essa musica se tornando muito conhecida mais pelo The Byrds do que por Bob Dylan( A versão de Dylan foi lançada em Junho de 1965 atingindo o topo das paradas). Nesse ano ainda, seria lançado "Bringing It All Back Home" e faria sua primeira turnê no Reino Unido onde foi assistido por muitas bandas inglesas como os Beatles, os Rolling Stones, os Animals e etc. Também em 65 ele tocaria novamente no Newport Festival desta vez tocando também uma guitarra elétrica na qual tocou 3 musicas, voltando em seguida para o violão. Dylan tocando guitarra elétrica não agradou os fãs de folk mais conservadores, sendo assim, ele tocou a musica "It´s All over Now, Baby Blue" uma resposta a esses conservadores.
Em seguida, Dylan lançaria a musica que é considerada por muitos, a sua obra-prima, a que mais o destacaria, "Like a Rolling Stone" que teve como musicos, Al Kooper no orgão e o guitarrista Michael Bloomfield. Essa musica é a primeira faixa do seu disco "Highway 61 Revisited" um dos seus melhores discos até hoje.
Em 1966, em Nashville ele grava seu próximo disco, um álbum duplo "Blonde on Blonde" que inclui os sucessos "I Want You", "Rainy Day Women #12 & 35", nesse periodo conhece uma banda chamada The Hawks(O futuro conjunto The Band). Ele gravou musicas com o The Band que só seriam lançadas em 1975 no album "The Basement Tapes".
Chega o periodo em que o rock dá uma guinada para o psicodélico, os Beatles aderem ao movimento assim como os Stones. Jimi Hendrix se destaca nesse período com a regravação de "Like a Rolling Stone" de Bob Dylan.
Ainda nesse período, Dylan sofre um acidente, mas esse acidente seria usado de pretexto para que Dylan ficasse fora de cena durante um tempo. Ele voltaria tona em 1969, com um álbum mais "country", o "Nashville Skyline" com o famoso sucesso "Lay Lady Lay" uma musica que foi bastante executada nas rádios. Nesse ano, acontecia o festival de Woodstock na fazenda de mesmo nome, não muito longe de onde morava Bob Dylan. Mas ele não quer saber de participar desse festival e marca shows na Inglaterra.
Chegamos aos anos 70. Bob Dylan novamente sai de cena mas dessa vez sua musicas sofrem uma queda. Dylan nos anos 70 já não era mais aquele grande compositor idolatrado pelos jovens. Aquele que nos anos 60 foi um icone ao lado dos Beatles e dos Rolling Stones fica um pouco fora de cena na década seguinte.
Em 1976, Dylan já de volta a cena apesar de já não ser mais aquele Dylan dos anos 60, lança o album 'Desire" com o grande sucesso "Hurricane". Essa musica é uma canção biográfica do boxeador Rubin Carter que foi preso injustamente acusado de um assasinato que não cometeu(Dylan chegou a visitar Carter na cadeia).
Bob Dylan nesse período deixa de lado as composições sociais e passa a criar letras mais religiosas, principalmente canções de cunho cristão. Uma trilogia de albums desse tipo seriam lançados, "Slow Train Comming", "Saved" e "Shot of Love". Nos anos 80 porém Dylan volta a compor alguma coisa a seu estilo original, a que o imortalizou nos anos 60 como os albums "Infidels(1983)" "Empire Burlesque(1985)" e "Oh Mercy(1989)". Nos anos 80 também lançou outro grande sucesso seu, a musica "Jokerman".
Hoje Bob Dylan realiza shows com bastante publico onde toca seus principais sucessos. Ele sem dúvida alguma revolucionou a arte de se compor canções, mostrando ao mundo os problemas sociais que ocorrem no dia a dia. A carreira de Bob Dylan é lendária e sua musica é imortal.
Postado pelo Professor Fernando